Professor José Marques de Melo é homenageado em sessão solene na ECA-USP e em evento na Fundação Casa de Rui Barbosa

04 de dezembro de 2018

(Fotos do destaque: Susana Sato)

O Professor José Marques de Melo, fundador da Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom) que faleceu em 20 de junho de 2018, recebeu duas homenagens especiais em novembro.

No último dia 28, uma sessão solene da Congregação da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP), em São Paulo, celebrou a vida e a obra de Marques de Melo, cuja trajetória se confunde com a própria história da ECA-USP: em 1967, ele assumiu a cátedra de teoria e prática do jornalismo, na primeira turma do curso de Jornalismo na então recém-criada Escola de Comunicações e Artes. Foi lá também que obteve seu doutorado, em 1973. Após um breve e difícil intervalo devido à perseguição política no regime militar, retornou em 1979 para a instituição.

Para recordar sua contribuição para o desenvolvimento da ECA-USP e celebrar seu importante legado, a sessão solene contou com a presença da família de Marques de Melo e dos professores Cremilda Medina e José Luiz Proença, do Departamento de Jornalismo e Editoração (CJE); Margarida Maria Krohling Kunsch, do Departamento de Relações Públicas, Propaganda e Turismo (CRP) e presidente de honra da Intercom; Maria Immacolata Vassallo de Lopes, do Departamento de Comunicações e Artes (CCA) e do Conselho Curador da Intercom; Brasilina Passarelli, do Departamento de Informação e Cultura (CBD) e vice-diretora da ECA-USP; e Eduardo Monteiro, do Departamento de Música (CMU) e diretor da Escola.

“Sinto muita falta dele porque eu acho que, se havia alguém que estava aberto à compreensão do momento, era ele”, disse a professora Cremilda Medina. “Hoje, nós precisávamos de pessoas como Zé Marques para abrir e oxigenar as nossas mentes para nós irmos ao mundo tentar compreender o que se passa, e não ficar a julgar o mundo dos nossos gabinetes.”

A professora Maria Immacolata lembrou a época em que Marques de Melo foi diretor da ECA-USP, destacando seu compromisso de aproximar a universidade da sociedade. Destacou também que Marques de Melo foi responsável pela criação do Centro de Estudos de Telenovela (CETVN, então Núcleo de Pesquisa de Telenovela).

“Meu pai abriu mão do convívio familiar para fazer tudo isso”, afirmou o professor Marcelo Briseno Marques de Melo (Umesp), filho do fundador da Intercom.

A professora Margarida Kunsch aproveitou para comunicar o lançamento do livro “50 Anos Depois: a resistência da ECA-USP à ditadura militar”, organizado por ela. A obra traz histórias de professores que foram perseguidos durante a ditadura, incluindo o próprio José Marques de Melo.

Clique aqui para saber mais.


HOMENAGEM NO RIO DE JANEIRO

O evento “Folkcomunicação: centenário de Luiz Beltrão e homenagem a José Marques de Melo” reuniu, no dia 21 de novembro na Fundação Casa de Rui Barbosa (FCRB), pesquisadores das áreas de Comunicação e Cultura e de familiares dos dois homenageados.

Na homenagem, foi realizada uma mesa redonda com a presença de Sylvia Nemer (UFRRJ/UERJ), que falou sobre “Cordel – Comunicação tradicional dos sertões nordestinos”; Luitgarde Barros (UERJ), analisando “Folkcomunicação – comunicação dos não letrados, em Luiz Beltrão e José Marques de Melo”; e Eula Cabral, sobre “A importância dos estudos e das pesquisas nas áreas de Comunicação e Cultura no Brasil”.

O evento foi uma realização da FCRB, da Intercom e da Rede de Estudos e Pesquisa em Folkcomunicação (Rede Folkcom).

Confira os vídeos da homenagem na FCRB:


intercom pinheiros

SÃO PAULO - SP
(11) 2574 8477 | (11) 3596 4747
R.JOAQUIM ANTUNES, 705 - PINHEIROS - 05415-012
SECRETARIA@INTERCOM.ORG.BR



Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13 às 17h


intercom BRIGADEIRO

São Paulo - SP
(11) 3892 7557
AV. BRIG. LUIS ANTÔNIO, 2.050 - CONJ. 36- BELA VISTA



Horário de atendimento:
SOMENTE NA INTERCOM PINHEIROS