Eleição da nova Diretoria da Intercom

Nos termos do Estatuto Social, o Comitê Eleitoral informa a cédula de votação para a escolha da nova Diretoria Executiva e do Conselho Fiscal da Intercom para o triênio 2017-2020.

Ao acessar a área de sócios no link portalintercom.org.br/associados, com login e senha, os associados habilitados a votar (aqueles que quitaram suas anuidades até o dia 31/03/2017) encontrarão, no link “Votação de Diretoria”, a cédula contendo a chapa completa com os nomes dos candidatos. O voto deve ser enviado por meio eletrônico até o dia 19 de junho de 2017.

No dia 22 de junho, às 11h, será realizada a apuração pública na sede da associação (Rua Joaquim Antunes, 705 – Pinheiros – São Paulo, SP) e proclamado o resultado pelo Comitê Eleitoral.

A nova diretoria será empossada na 39ª Assembleia Geral Ordinária, a ser realizada em 7 de setembro de 2017, às 19h, no Hotel Radisson, durante o 40º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, em Curitiba, PR.

Comitê Eleitoral

Antônio Hohlfeldt (Presidente)

Anamaria Fadul

Margarida Maria Krohling Kunsch

Veja, a seguir, a carta programa e a chapa completa para o triênio 2017-2020.

Prezados(as) colegas:

Neste ano em que comemoramos os 40 anos da criação da INTERCOM é um bom momento para se pensar no seu legado e, igualmente, no seu futuro. De um lado, a INTERCOM foi fruto da ousadia, coragem e determinação de seus idealizadores e fundadores e de gerações que se empenharam ao longo dessas quatro décadas de trabalho profícuo. De outro lado, há um futuro que se coloca diante de todos nós como um horizonte pleno de desafios, num momento privilegiado pelo qual passam diferentes sociedades, inclusive a brasileira, por processos de mediatização, nos quais os meios de comunicação têm tensionado, cada vez mais, as lógicas que permeiam os diferentes campos sociais e seus atores. O presente da INTERCOM se edifica entre o legado que oferece sua identidade e missão e o futuro clamando por novas ousadias e muito empenho de sua comunidade e de seus dirigentes.

Neste momento de eleição da direção da INTERCOM, é bom ressaltar sua tradição, desde o início, no comprometimento com a construção da cidadania e com a consolidação da democracia no Brasil. A INTERCOM se sente implicada com os destinos da sociedade brasileira, principalmente com a grande maioria de sua população, assim como, em especial, com os destinos dos países latino-americanos.

Nesta virada de quatro décadas, a INTERCOM criou uma capilaridade com atividades e eventos nas diversas regiões do Brasil, mas também uma sensibilidade em relação às novas demandas colocadas no seu cotidiano. Diante desse panorama, propomos, abaixo, itens que vão nortear nossas atividades no triênio 2017-2020, através de decisões e ações colegiadas, que serão complementadas e estruturadas por um planejamento estratégico.

A) Dar especial atenção ao Portal INTERCOM tendo em vista sua importância na comunicação com seus associados, com a comunidade científica e com o público geral. O PORTCOM será visto como uma prioridade, já que tem a finalidade de difundir a produção científica, particularmente no domínio da comunicação social, e a memória da INTERCOM. A entidade tem consciência da importância desse espaço na sua função de democratização do saber;

B) Intensificar uma maior aproximação da INTERCOM com as entidades internacionais de referência, com o objetivo de contribuir com a internacionalização de nossa comunidade, dando especial à América Latina e à comunidade lusófona. Continuar os encontros que têm possibilitado agregar pesquisadores estrangeiros, especialmente, os eventos científicos que têm sido realizados com colegas latino-americanos;

C) Fomentar o relacionamento da INTERCOM com entidades congêneres, mediante a promoção de mesas temáticas em congressos ou indicação de membros de seu corpo associado para composição de júris em premiações variadas. Ampliar os projetos e parcerias com grupos de comunicação – estabelecidos e alternativos – oferecendo aos associados diferentes maneiras de atuação e organização ao nível da produção mediática;

D) Reforçar a perspectiva de descentralização das contas da INTERCOM, conforme suas diferentes atividades, de modo a se ter avaliações rápidas e objetivas sobre o desdobramento de cada empreendimento e sua auto-sustentabilidade;

E) Prever antecipadamente as sedes para congressos nacionais e regionais (de preferência, três anos antes), de modo a permitir a organização dos interessados quanto a viagens e envio de papers;

F) Dinamizar a realização do Prêmio Luiz Beltrão, promover o retorno do Prêmio de Teses e Dissertações, estimular a realização dos Cafés Intercom, que se multiplicaram em várias cidades brasileiras nas diferentes regiões. Criar o concurso permanente de monografia sobre a história da mídia municipal;

G) Promover traduções de textos produzidos por pesquisadores brasileiros, no mínimo para o inglês e o espanhol, buscando a divulgação da pesquisa brasileira em comunicação social;

H) Reforçar o resgate, a centralização, limpeza e catalogação de todos os documentos referentes à história da INTERCOM;

I) Buscar sempre a autonomia financeira, mantendo-se equilíbrio de caixa, garantia de saldo positivo e acessibilidade a todos os pesquisadores interessados em se filiarem ou participarem das atividades da INTERCOM, mediante anuidades e preços de inscrição em congressos e outras atividades compatíveis com as possibilidades financeiras dos interessados;

J) Valorizar permanentemente o associado, mediante contatos continuados e diferenciação no tratamento em congressos e publicação em face dos não-associados;

K) Continuar o financiamento da Revista INTERCOM, buscando sempre aperfeiçoar sua excelência promovendo com isso o seu reconhecimento cada vez maior junto à comunidade científica;

L) Valorizar as diferentes regiões brasileiras, de um lado, com a já vinculação dos Representantes Regionais (hoje, Diretores) junto à diretoria, e de outro, aproximando-os também dos organizadores de congressos, formando com esses um coletivo regional para se pensar as especificidades de cada região e organizar outros eventos (Cafés INTERCOM etc);

M) Incentivar e valorizar políticas específicas para os congressos regionais do Norte e do Centro-Oeste, de maneira a integrar tais regiões de forma efetiva na paisagem da pesquisa em Comunicação Social do país;

N) Fomentar os congressos regionais, mediante desenvolvimento de formatos padronizados de atividades, buscando uma articulação efetiva com atividades similares do Congresso Nacional;

O) Valorizar mesas temáticas específicas nos Congressos Nacionais, de modo a destacar determinados debates e enfoques sobre a Comunicação Social e as mutações da produção e recepção mediática no interior da sociedade;

P) Incrementar as atividades no Centro Cultural José Marques de Melo (escola de verão, cursos, palestras etc) com transmissão on-line e ampla divulgação, contribuindo na formação de professores e estudantes de diversas localidades, além de ser um espaço privilegiado de sociabilidade da entidade;

Q) Continuar com atividades que fazem da INTERCOM uma entidade única, na valorização de estudantes e professores de graduação, possibilitando uma atuação efetiva desses nos seus eventos e atividades rotineiras. O planejamento das atividades do Centro Cultural José Marques de Melo pode desempenhar um papel fundamental para contemplar estudantes e professores de graduação.

Se o colega avaliar que tudo o que foi aqui apresentado, merece seu apoio, por favor, avalize nossa chapa. Ficaremos satisfeitos e buscaremos contemplar e realizar essa diferentes atividades acima expostas. Numa síntese, queremos manter a herança dos fundadores, modernizada e atualizada com as alternativas da contemporaneidade.

Desde já agradecemos, se for o caso, o reconhecimento através de seu voto.

CHAPA PROPOSTA (INTERCOM 2017 – 2020)

PRESIDENTE - Giovandro Marcus Ferreira (UFBA - Universidade Federal da Bahia)

VICE-PRESIDENTE - Fernando Almeida (UMESP – Universidade Metodista de São Paulo)

DIRETORA CIENTÍFICA – Nair Prata (UFOP – Universidade Federal de Ouro Preto)

DIRETORA DE COMUNICAÇÃO – Adriana C. Omena dos Santos (UFU – Universidade Federal de Uberlândia)

DIRETOR FINANCEIRO – Marcelo Briseno (UMESP – Universidade Metodista de São Paulo)

DIRETORA CULTURAL – Allan S. Barreto Rodrigues (UFAM – Universidade Federal do Amazonas)

DIRETORA ADMINISTRATIVA – Sonia Jaconi (UMESP – Universidade Metodista de São Paulo)

DIRETORA EDITORIAL – Rosiméri Laurindo (FURB - Universidade Regional de Blumenau)

DIRETORA DE PROJETOS – Ariane Carla Pereira Fernandes (UNICENTRO - Universidade Estadual do Centro-Oeste)

DIRETORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS – Roseli Fígaro (USP – Universidade de São Paulo)

DIRETORIA REGIONAL NORTE – Sandro Adalberto Colferai (UNIR - Universidade Federal de Rondônia)

DIRETORIA REGIONAL NORDESTE – Juliano Mendonça Domingues da Silva (UNICAP – Universidade Católica de Pernambuco)

DIRETORIA REGIONAL CENTRO-OESTE – Daniela Cristiane Ota (UFMS - Universidade Federal do Mato Grosso do Sul)

DIRETORIA REGIONAL SUDESTE – Felipe Pena (UFF – Universidade Federal Fluminense)

DIRETORIA REGIONAL SUL – Cristiane Finger (PUCRS – Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul)

CONSELHO FISCAL

Edgard Rebouças (UFES – Universidade Federal do Espírito Santo)

Juçara Gorski Brittes (UFOP – Universidade Federal de Ouro Preto)

Maria Cristina Gobbi (UNESP - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho)

Nelia Del Bianco (UNB – Universidade de Brasília)

Osvando José de Morais (UNESP - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho)

CONSELHO DE REPRESENTANTES DOS PESQUISADORES

Ana Sílvia Médola (Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho)

Iluska Maria Coutinho (UFJF – Universidade Federal de Juiz de Fora)

Raquel Paiva de Araujo Soares (UFRJ – Universidade Federal do Rio de Janeiro)

Sergio Mattos (UFRB – Universidade Federal do Recôncavo da Bahia)

Joaquim Paulo Serra (UBI – Universidade da Beira Interior - Portugal)

Margarita Ledo Andión (USC - Universidad de Santiago de Compostela – Galícia/Espanha)

Raúl Fuentes Navarro (UDG - Universidad de Guadalajara - México)

intercom pinheiros

SÃO PAULO - SP
(11) 2574 8477 | (11) 3596 4747
R.JOAQUIM ANTUNES, 705 - PINHEIROS - 05415-012
SECRETARIA@INTERCOM.ORG.BR



Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13 às 17h



Coordenação : Adriana Cristina Omena dos Santos
Edição : Cláudio Ornellas

intercom BRIGADEIRO

São Paulo - SP
(11) 3892 7558
AV. BRIG. LUIS ANTÔNIO, 2.050 - CONJ. 36- BELA VISTA