Debate sobre os 52 anos do golpe de 1964

O Centro de Documentação e Memória da Unesp promove, no dia 28 de abril, às 18h30, o debate “Já se passaram 52 anos - o Golpe Civil Militar de 1964 e Resistência Democrática: um relato por suas vozes”, com objetivo de resgatar uma face pouco conhecida da história da resistência democrática e, em particular, valorizar uma memória militante, por meio de algumas de suas vozes, todas contemporaneamente comprometidas com a construção de um projeto de nação.

O debate se centrará na resistência democrática que teve início nos dias seguintes ao golpe e que se fortaleceu gradualmente nos anos seguintes. Resistência operacionalizada na luta política e também por iniciativas armadas, consumada após duas décadas com a anistia e o reestabelecimento do Estado Democrático e de Direito.

Os expositores serão:

Francisco Paz - capitão da Política Militar, advogado, contador e filósofo. Professor na PUC-SP, no curso de pós-graduação "Políticas Públicas de Segurança". Foi militar cassado durante o período da ditadura civil-militar brasileira.

José Luiz Del Roio - escritor, ativista político, vice-presidente do Instituto Astrojildo Pereira- IAP e ex-senador na Itália.

Ivan Alves Filho - historiador e autor de 14 livros. Coordena atualmente o projeto Brasileiros e Militantes, na Fundação Astrojildo Pereira. Foi exilado durante o período da ditadura civil-militar brasileira.

A mediação será feita por Paulo Ribeiro Rodrigues da Cunha, professor da Faculdade de Filosofia e Ciências da Unesp/Marília e pesquisador do Cedem/Unesp. Cunha é estudioso da questão agrária brasileira, de movimentos sociais e de militares no Brasil.

O evento será realizado na Praça da Sé, 108, 1º andar, e as inscrições, gratuitas, podem ser feitas em http://www.cedem.unesp.br/#!/form/.

intercom BRIGADEIRO

SÃO PAULO - SP
(11) 3892 7558
AV. BRIG. LUIS ANTÔNIO, 2.050 - CONJ. 36- BELA VISTA
SECRETARIA@INTERCOM.ORG.BR



Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13 às 17h