Prêmio para reportagens sobre drogas

O Centro de Estudos de Segurança e Cidadania (CESeC) da Universidade Cândido Mendes divulgou em dezembro, no site http://www.premiogilbertovelho.com.br/, os nomes dos vencedores do Prêmio Gilberto Velho Mídia e Drogas 2016, criado para estimular a cobertura de políticas e legislação relacionadas às drogas. A jornalista Débora Melo, da revista Carta Capital, ganhou o primeiro prêmio, no valor de R$ 7 mil, pelas três reportagens que inscreveu: “O Brasil entra no mapa da medicina psicodélica”; “Osmar Terra e o retrocesso na política de drogas” e “A cracolândia no centro da disputa política em São Paulo”.

Em segundo lugar ficou a jornalista Alessandra Mendes, pela reportagem “100% irregulares: vistorias em 42 comunidades terapêuticas apontam violações de regras e direitos”, publicada no jornal Hoje em Dia, de Belo Horizonte. Na terceira colocação, com a reportagem “Nosotras: Quem são as bolivianas presas em São Paulo”, publicada na edição brasileira do Le Monde Diplomatique, ficou com a jornalista Ana Luiza Voltolini Uwai.

O CESeC tem em seu site – http://www.ucamcesec.com.br – informações úteis a pesquisadores da área e profissionais de imprensa sobre temas relacionados ao seu objeto de estudo, como violência, atuação policial e papel do Ministério Público.

intercom BRIGADEIRO

SÃO PAULO - SP
(11) 91628-5225
AV. BRIG. LUÍS ANTÔNIO, 2.050 - CONJ. 36- BELA VISTA
SECRETARIA@INTERCOM.ORG.BR



HORÁRIO DE ATENDIMENTO:
SEGUNDA A SEXTA-FEIRA, DAS 8H ÀS 12H E DAS 13 ÀS 17H (ATENÇÃO: NOS MESES DE JULHO E AGOSTO NÃO HAVERÁ ATENDIMENTO PRESENCIAL.
ENTRE EM CONTATO POR E-MAIL OU POR TELEFONE. O ATENDIMENTO TELEFÔNICO É DAS 9H ÀS 16H).




Desenvolvido por Kirc Digital - www.kirc.com.br