INFORMATIVO INTERCOM, SÃO PAULO, 16 DE SETEMBRO DE 2020

ENCONTRO INTER-REGIÕES INTERCOM DIVULGA PROGRAMAÇÃO

Leonardo Sakamoto, Christina Carvalho Pinto e Patrícia Campos Mello estão entre os convidados do evento virtual, que terá mesas temáticas, Fórum Ensicom e festas de premiação da Expocom ao longo de outubro

Leia também:
• Fórum Ensicom realiza Café Intercom na próxima quarta-feira (23/09)
• Revista Intercom publica seu segundo número de 2020
• Intercom 2020: GPs da Intercom relacionam suas ementas ao tema central
• Assembleia de associados teve posse da Diretoria e anúncio da sede do Intercom 2021
• Notícias dos parceiros Intercom

O Encontro Inter-regiões Intercom, evento virtual da Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom) a ser realizado ao longo de outubro de 2020, já está com a programação definida: além das festas de premiação das cinco etapas regionais da Exposição de Pesquisa Experimental em Comunicação (Expocom), o evento terá mesas temáticas e uma sessão do Fórum Ensicom.

Todos os itens da programação estão marcados para começar às 19h30, de forma a possibilitar ampla participação dos inscritos. A abertura do Encontro Inter-regiões Intercom será no dia 1º de outubro, com o jornalista Leonardo Sakamoto (UOL/Repórter Brasil) e a publicitária Christina Carvalho Pinto (Hollun).

No dia 8, os professores Eduardo Meditsch (UFSC), Juliana Petermann (UFSM) e Margarida Kunsch (USP/Intercom) serão os convidados a debater temas relacionados ao ensino no campo da Comunicação durante o Fórum Ensicom.

As duas mesas-redondas do evento virtual abordarão temáticas relacionadas ao tema central do eventos da Intercom em 2020, “Um mundo e muitas vozes: da utopia à distopia?”. No dia 15, pesquisadores de todas as regiões do Brasil vão conversar sobre “Distopias cognitivas: o monopólio do discurso”: Antônio Fausto Neto (Unisinos), Aparecida Luzia Alzira Zuin (Unir), Erick Felinto (UERJ), Helder Prior (UFMS) e Luiz A. Ferraretto (UFRGS). Já a mesa “Batalhas de significado nas narrativas comunicacionais”, no dia 22, receberá representantes da sociedade civil organizada e pesquisadores: Almires Martins Machado (Instituto Indígena Brasileiro para a Propriedade Intelectual), Ana Carolina Temer (UFG), Cid Benjamin (ABI), Eneus Trindade (USP) e Marcela Donini (Matinal).

A palestra de encerramento do Encontro Inter-regiões Intercom será proferida pela jornalista Patrícia Campos Mello (Folha de S. Paulo), no dia 29 de outubro.

Substituindo os congressos regionais da Intercom em 2020 devido à pandemia de covid-19, o Encontro Inter-regiões também promoverá as tão aguardadas festas de premiação da Expocom, em que estudantes de graduação e recém-formados terão seus projetos experimentais reconhecidos e alçados à etapa nacional, a ser realizada em dezembro no âmbito do congresso nacional da entidade. As festas serão sempre às sexta-feiras, às 19h30, conforme o seguinte calendário:

2 de outubro – Expocom Centro-Oeste
9 de outubro – Expocom Sul
16 de outubro – Expocom Sudeste
23 de outubro – Expocom Norte
30 de outubro – Expocom Nordeste

As inscrições para o Encontro Inter-regiões Intercom seguem até o dia 25 de setembro e devem ser feitas por região:

CENTRO-OESTE: Link inscrição | Área reservada
SUL: Link inscrição | Área reservada
SUDESTE: Link inscrição | Área reservada
NORTE: Link inscrição | Área reservada
NORDESTE: Link inscrição | Área reservada

As taxas de inscrição são de R$ 20 para estudantes de graduação e recém-graduados; R$ 30 para estudantes de pós-graduação; e R$ 40 para professores, pesquisadores e profissionais. Associados da Intercom com a anuidade em dia estão isentos da taxa. Todos os participantes devidamente inscritos terão direito à certificação.

Mais informações no Portal Intercom.

Nos vemos em outubro, no Encontro Inter-regiões Intercom!

• • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • •

INSCRIÇÕES ABERTAS PARA O CAFÉ INTERCOM SOBRE ENSINO REMOTO DE PP

Como tem sido o ensino remoto nos cursos de Publicidade e Propaganda? O Fórum Ensicom – Seminário de Ensino em Comunicação convida dois pesquisadores que foram a fundo nessa questão para apresentar os resultados de suas pesquisas em um evento virtual do Café Intercom, a ser realizado virtualmente às 17h do dia 23 de setembro.

Participarão do evento virtual o pesquisador e professor Fábio Hansen (UFPR), que integra o Grupo de Pesquisa Inovação no Ensino de Publicidade (IEP) e é coautor do livro “Criação publicitária: desafios no ensino” (Sulina), e o professor Janderle Rabaiolli (UFSM), que atua como docente especialmente no curso de Publicidade e Propaganda.

O evento será realizado em sala virtual da plataforma Zoom, com vagas limitadas. Para participar, é necessário fazer inscrição gratuita prévia. Clique aqui para se inscrever.

Quem não estiver inscrito poderá acompanhar a transmissão ao vivo na página oficial da Intercom no Facebook.

Mais informações sobre o Fórum Ensicom no Portal Intercom.

• • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • •

CONFIRA A NOVA EDIÇÃO DA REVISTA INTERCOM

A Intercom – Revista Brasileira de Ciências da Comunicação (RBCC), publicação quadrimestral da Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom), acaba de publicar sua segunda edição de 2020.

Disponibilizado para leitura gratuita na SciELO e também no Portal da Intercom, o v. 43, n. 2 (maio/ago. 2020) traz 11 artigos científicos e duas resenhas críticas de livros, com pesquisas de 24 autoras e autores. Além disso, publica entrevista com Toby Mendel (Centre for Law and Democracy, Halifax, Canadá).

Editada por Maria Ataide Malcher (UFPA) e Iluska Coutinho (UFJF), a Revista Intercom aceita trabalhos em fluxo contínuo, respeitando a abrangência e interdisciplinaridade da área da Comunicação. Além de artigos científicos, recebe contribuições no formato de entrevistas com pesquisadores internacionais e resenhas de livros recém-lançados. Normas e informações sobre submissões podem ser conferidas no Portal Intercom.

Todos os textos são divulgados na página da revista no Facebook.

• • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • •

“UM MUNDO E MUITAS VOZES: DA UTOPIA À DISTOPIA?” NOS GRUPOS DE PESQUISA

Marcando os 40 anos da publicação do Relatório MacBride – Um mundo, muitas vozes (UNESCO, 1980), o congresso nacional da Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom) deste ano centrará seus debates em torno do tema “Um mundo e muitas vozes: da utopia à distopia?”. Com chamada de trabalhos aberta até o dia 12 de outubro, os 34 Grupos de Pesquisa (GPs) da Intercom promovem o diálogo entre suas ementas e o tema central, de forma a aprofundá-lo em suas respectivas áreas.

A pedido da Diretoria de Documentação e Comunicação da Intercom, as coordenações de alguns GPs redigiram um breve parágrafo fazendo essa relação, de forma a orientar autores de trabalhos a serem submetidos. Confira.

GP DE ECONOMIA POLÍTICA DA INFORMAÇÃO, COMUNICAÇÃO E CULTURA
Coordenador: Manoel Dourado Bastos (UEL)
O Relatório MacBride foi resultado direto da ação de pesquisadores latino-americanos e de outras regiões do planeta comprometidos com uma crítica à gigantesca estrutura comunicacional que se montou no contexto de Guerra Fria. Ofereceu-nos uma utopia de que aquela nova ordem poderia superar o desigual estado de coisas montado à escala global, apontando para a superação da assimetria que a desigualdade econômica impunha à lógica comunicacional, com concentração de poder político em níveis absurdos. Passadas quatro décadas, observamos aquela utopia se desvanecer numa brutal concentração de poder, de que os gigantescos monopólios globais das megacorporações digitais são uma expressão. A Economia Política da Comunicação (EPC), resultado crítico do contexto que gerou a utopia de "Um mundo, muitas vozes", oferece um significativo arsenal conceitual e de método para o enfrentamento da distopia que ora se apresenta. Lidando criticamente com as relações sociais de produção da comunicação, tendo por pressuposto dialético o desenvolvimento das forças produtivas, o GP Economia Política da Informação, Comunicação e Cultura constitui-se como um espaço que, relembrando os velhos tempos, visa a oferecer não só uma figura dessa distopia, mas, principalmente, desafiar as atuais condições anunciando que "uma nova mediação é possível".

GP COMUNICAÇÃO E ESPORTE
Coordenador: José Carlos Marques (Unesp)
Vice-coordenadora: Tatiane Hilgemberg Figueiredo (UFRR)
A cobertura midiática é feita através de uma intersecção de discursos, em que podemos encontrar vozes de diferentes atores sociais. Como Mouillaud (1997) define, o espaço jornalístico não é mero transmissor de dados, mas sim local onde os discursos se articulam e a realidade é construída. Como elemento na formação da opinião pública, a mídia tem um importante efeito em como o esporte se desenvolve e é praticado. Atualmente é impossível pensar em um grande evento esportivo sem a presença dos meios de comunicação. Assim, é fácil notarmos que “o que” a mídia cobre e “como” realiza essa cobertura e trata os participantes em cada esporte podem ser questões que criam barreiras devido a estereótipos, trivialização e sub-representação. Desse modo, a Comunicação e Esporte tenta também entender a sociedade através de diálogos e vozes que visam à diversidade.

GP GEOGRAFIAS DA COMUNICAÇÃO
Coordenadora: Roberta Brandalise (FCL)
Vice-coordenadora: Daniela Cristiane Ota (UFMS)
O Grupo de Pesquisa Geografias da Comunicação enfrenta o tema de pesquisa "Um mundo e muitas vozes: da utopia à distopia?” a partir de referências clássicas, como a de Milton Santos – que nos conduz a uma reflexão sobre utopia e distopia, criticando a verticalidade do pensamento hegemônico do mundo moderno, ancorado em matrizes ocidentais do norte global, e propondo a valorização da heterogeneidade de racionalidades que vicejam nas formas de convivência e de regulação criadas a partir do próprio território. O GP dedica-se às horizontalidades que germinam na vivência política cotidiana, na especificidade de cada nação, região, cidade, campo, bairro ou nó do ciberespaço, tensionadas e ao mesmo tempo viabilizadas por apropriações originais dos meios de comunicação. Considera tanto as identificações, as aproximações, as colaborações quanto às distinções, os distanciamentos e os conflitos que tecem a história e atravessam o cotidiano.

GP FICÇÃO SERIADA
Coordenadora: Ligia Maria Prezia Lemos (USP)
Vice-coordenadora: Larissa Leda Rocha (UFMA)
O GP de Ficção Seriada, focado em debater questões relativas às narrativas de ficção em seu formato serializado – em diferentes telas – encontra-se com o tema do Intercom 2020 de várias maneiras. O Relatório MacBride teve, como objetivos, pensar a comunicação de massa, a concentração de mídia e sua democratização. O GP oferece uma oportunidade interessante de analisar tais questões diante dos fluxos transnacionais de produção audiovisual da ficção, do acesso a bens culturais antes restritos às nações e de que modo a profunda mudança pela qual passa a televisão hoje – em seus âmbitos de produção, circulação e consumo – pode reforçar ou combater os problemas da comunicação em nossa contemporaneidade, no qual novos atores e fluxos de poder reordenam o significado de televisão e ficção.

Acesse o Portal Intercom para conhecer as ementas dos 34 Grupos de Pesquisa.

As sessões do Encontro dos Grupos de Pesquisa da Intercom ocorrerão em modalidade virtual durante o 43º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação (Intercom), a ser realizado de 1º a 10 de dezembro de 2020 com organização da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Para mais informações, calendário, inscrições e submissões, acesse a página do congresso no Portal Intercom.

• • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • •

ASSEMBLEIA DE ASSOCIADOS TEVE POSSE DA DIRETORIA E ANÚNCIOS SOBRE O INTERCOM 2021

A 42ª Assembleia Geral Ordinária dos associados da Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom) foi realizada no dia 4 de setembro de 2020, em formato virtual devido à pandemia de covid-19.

Durante a Assembleia, tomou posse a Diretoria Executiva para o triênio 2020-2023, formada pelos nomes da chapa eleita democraticamente pelos associados via voto eletrônico. Além disso, foi apresentada a sede do 44º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação (Intercom 2021): a Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), com organização local coordenada pelo professor Juliano Mendonça Domingues da Silva. O tema anunciado para os eventos da Intercom em 2021 é “Comunicação e resistência: práticas de liberdade para a cidadania”.

Sobre os desafios da nova gestão executiva da Intercom, o professor Giovandro Marcus Ferreira (UFBA), reeleito presidente, destaca as tendências no cenário pós-pandemia. “Teremos que pensar novos posicionamentos e nos reinventar enquanto entidade, a partir das atividades da Intercom. Em 2020 nosso congresso será 100% virtual, modalidade que vai perdurar, provavelmente em um modelo híbrido, não só nos eventos da Intercom como na vida como um todo”, afirma. “Estamos vendo como são importantes os meios de comunicação na democracia contemporânea. É fundamental pensarmos cada vez mais na capacitação do cidadão neste contexto. Por isso, em 2021 vamos trabalhar o tema 'Comunicação e resistência: práticas de liberdade para a cidadania' e também avançar na campanha pela implantação de educação para as mídias no ensino médio. É essencial que o cidadão tenha uma visão crítica no manuseio das tecnologias de comunicação”, destaca.

O professor Juliano Domingues (Unicap), que ocupou a Diretoria Regional Nordeste na gestão passada e agora assume como vice-presidente da Intercom, além de ser o coordenador local do Intercom 2021, salienta a importância dos associados para o fortalecimento da entidade e do campo de pesquisa em Comunicação. “Os desafios, que já não eram poucos, tornaram-se ainda maiores neste contexto de pandemia. Eles reforçam a urgência de estabelecermos uma relação ainda mais próxima com o associado e a associada, de parceria, de fortalecimento da instituição, porque assim todos nos fortalecemos, individual e coletivamente, enquanto entidade, enquanto cientistas e pesquisadores. Essa união é fundamental, sobretudo em um momento de ataques ao conhecimento científico e ao campo da comunicação", avalia.

Na Assembleia, os associados presentes também acompanharam o relatório de atividades e a prestação de contas da Diretoria Executiva (triênio 2017-2020), apreciaram os pareceres do Conselhos Fiscal, Consultivo e Curador e assistiram a uma homenagem aos associados que completaram 25 anos de filiação à entidade.

Para conhecer os diretores e diretoras que assumiram o mandato para o triênio 2020-2023, clique aqui. Conheça também o programa da chapa eleita aqui.

• • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • •

NOTÍCIAS DE PARCEIROS INTERCOM

Ulepicc-Brasil realiza webnário – Com o tema “Desinformação no Nordeste: Desafios e oportunidades para o jornalismo”, o evento será realizado em sala virtual do Google Meet, com direito a certificado, entre os dias 6 e 9 de outubro. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas via formulário digital. A Ulepicc-Brasil também está divulgando as atividades de seu VIII Encontro, a ser realizado virtualmente de 12 a 23 de outubro em parceria com a Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC). Mais informações: www.ulepicc.org.br

Mostra de vídeos SBPC – A Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) promoverá, durante sua 72ª Reunião Anual (virtual), a mostra “As Ciências e a Pandemia de Covid-19”. Os interessados podem se inscrever até o dia 16 de outubro. Para saber mais, confira a notícia publicada pelo Jornal da Ciência.

Vencedores do Prêmio Adelmo Genro Filho 2020 – A Associação Brasileira de Pesquisadores em Jornalismo (SBPJor) informa os vencedores e as menções honrosas nas categorias Sênior, Iniciação Científica, Mestrado, Doutorado e Pesquisa Aplicada. Confira os nomes no site da entidade. Os vencedores do PAGF 2020 serão homenageados durante 18º Encontro Nacional da SBPJor, em data a ser divulgada.

Midia.JOR 2020 – A sexta edição do evento, realizada pelo Portal IMPRENSA em parceria com a TV Cultura e com patrocínio do Itaú, disponibiliza conteúdos em sua página na internet. O tema deste ano é “O Dono do Conteúdo: na era do jornalismo compartilhado”. Entre os convidados, estão Rasmus Nielsen, diretor do Instituto Reuters para o Estudo do Jornalismo; Mark Thompson, presidente e CEO da New York Times Company; Fernando Gallo, gerente de políticas públicas do Twitter Brasil; e o médico Drauzio Varella. Confira no site.

Revista da Alcar aborda pandemia – A Revista Brasileira de História da Mídia (RBHM), publicada pela Associação Brasileira de Pesquisadores de História da Mídia (Alcar) e pela Federação Brasileira das Associações Científicas e Acadêmicas de Comunicação (Socicom), recebe artigos até 30 de setembro para o dossiê temático “História da mídia e saúde”. Editado por Igor Sacramento e Wilson Couto Borges, pesquisadores em Saúde Pública pela Fiocruz e coordenadores do Núcleo de Estudos em Comunicação, História e Saúde (Nechs/Laces/Icict/Fiocruz), o número pretende tratar do lugar dos discursos midiáticos nas construções de práticas, saberes e representações sobre saúde, corpos e doenças em diferentes contextos socioculturais. Mais informações no site da revista.

Revista Comunicologia – A Revista de Comunicação da Universidade Católica de Brasília recebe até 15 de dezembro artigos para o dossiê temático interdisciplinar (comunicação, educação, estudos culturais e teoria crítica) “Novas perspectivas teóricas sobre cultura, tecnologia e educação”, editado por Lília Abadia (PNPD-UCB), Gianlluca Simi (UFSM) e Carlos Ângelo de Meneses Sousa (UCB). Mais informações aqui.

intercom pinheiros

SÃO PAULO - SP
(11) 2574 8477 | (11) 3596 4747
R.JOAQUIM ANTUNES, 705 - PINHEIROS - 05415-012
SECRETARIA@INTERCOM.ORG.BR



Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13 às 17h


intercom BRIGADEIRO

São Paulo - SP
(11) 3892 7558
AV. BRIG. LUIS ANTÔNIO, 2.050 - CONJ. 36- BELA VISTA