INFORMATIVO INTERCOM, SÃO PAULO, 04 DE FEVEREIRO DE 2021

PARTICIPE DA PESQUISA MUNDIAL SOBRE ENSINO DE JORNALISMO

Aplicado no Brasil pela Abej e Intercom, questionário pode ser respondido até 28/02

Leia também:
• 4ª edição do Atlas da Notícia teve colaboração da Intercom
• Intercom 2020: baixe seus certificados
• Revista Radiofonias publica nova edição e recebe artigos
• Secretaria da Intercom volta do recesso com atendimento remoto
• Notícias de parceiros da Intercom

Até o dia 28 de fevereiro, professores de jornalismo de todo o Brasil podem participar da pesquisa internacional “Papéis, valores e qualificações do jornalista no século XXI: Como os professores de jornalismo ao redor do mundo vêm o futuro de uma profissão em transição”, realizada pelo Conselho Mundial de Ensino em Jornalismo (World Journalism Education Council - WJEC).

Para participar, basta acessar o questionário neste link em um computador, tablet ou celular e clicar na opção “Português”. Antes de começar a responder, os participantes devem concordar com o armazenamento dos dados da pesquisa global em um banco de dados seguro. As respostas são privadas e confidenciais, com acesso restrito aos pesquisadores, liderados por Nico Drok, da Universidade Windesheim de Ciências Aplicadas (Holanda). A resposta ao questionário leva, em média, 15 minutos.

No Brasil, a aplicação do questionário da pesquisa é uma parceria entre a Associação Brasileira de Ensino do Jornalismo (Abej) e a Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom), com coordenação dos professores Sonia Virgínia Moreira (Uerj/Intercom/WJEC), Marluce Zacariotti (UFT) e Marcelo Bronosky (UEPG).

O projeto parte da ideia de que o ensino de jornalismo deverá ter no futuro um papel mais relevante no desenvolvimento do jornalismo profissional do que teve no passado. O objetivo é comparar como os professores envolvidos com o ensino nos vários países consideram o futuro dessa profissão em transição. A meta é apresentar os dados comparativos globais no Congresso Mundial de Ensino de Jornalismo programado para em julho de 2022 em Beijing, China. O questionário tem versões em inglês, chinês, francês, russo e português.

Se você é docente de jornalismo, participe e divulgue a pesquisa para colegas.

• • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • •

ATLAS DA NOTÍCIA PUBLICA SUA 4ª PESQUISA ANUAL

Acaba de ser publicada a quarta edição do Atlas da Notícia, iniciativa anual do Projor – Instituto de Desenvolvimento do Jornalismo patrocinada desde 2018 pelo Facebook Journalism Project (FJP) e realizada em parceria institucional com a Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji) e a Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom).

A pesquisa contou com a colaboração de 219 voluntários de 74 organizações de todo o Brasil, coordenados pelo jornalista Sérgio Lüdtke, também responsável pela redação dos resultados. O front de pesquisa, análise e mapeamento Atlas está a cargo da agência Volt Data Lab, liderada pelo jornalista Sérgio Spagnuolo.

Uma novidade desta edição é a inclusão de um pacote de dados na linguagem R, que visa a facilitar o acesso aos dados por parte de pesquisadores, jornalistas e programadores. "O Atlas da Notícia é uma pesquisa quantitativa, que tenta enxergar a ocupação do espaço midiático e oferecer uma base para estudos mais aprofundados e pesquisas qualitativas sobre o ecossistema da Comunicação no Brasil”, explica Lüdtke. “O diálogo com a Intercom, nesse sentido, é fundamental para que estudos sobre a presença do jornalismo local no país sejam levados adiante. Esperamos que os dados consolidados pela pesquisa e as tendências que ela foi capaz de revelar sejam uma matéria-prima bem explorada pela academia nesse momento crucial do jornalismo.”

A professora Nair Prata (UFOP), diretora Científica da Intercom, ressalta que os 34 Grupos de Pesquisa (GPs) foram convidados a participar do mapeamento da mídia local por terem uma grande capilaridade em todas as regiões brasileiras. “Este trabalho do Atlas da Notícia se reveste de especial importância por trazer à luz um tema pouquíssimo explorado nos estudos da Comunicação: os desertos de notícia, conceito elaborado por Penelope Muse Abernathy no livro The Rise of a New Media Baron and the Emerging Threat of News Deserts, publicado em 2016. Normalmente, os estudos se concentram nos grandes conglomerados, as grandes audiências, os veículos de mídia mais robustos financeiramente. E o Atlas da Notícia tem apontado exatamente o contrário, isto é, as regiões carentes de mídia”, afirma. “E agora, com este estudo, vemos que o digital tem conseguido alterar a configuração deste mapa, mostrando que os desertos têm começado a diminuir de tamanho em nosso país.”

Resultados – O Atlas da Notícia mapeou 13.092 veículos jornalísticos em atividade no Brasil em 2020. Embora o fechamento de 272 veículos tenha sido registrado, 1.170 novos veículos nativos digitais foram incorporados à base, a maior parte deles na região Nordeste, resultando em uma redução de cerca de 5,9% no número de desertos de notícias em relação à terceira edição da pesquisa. Ainda assim, 60% dos municípios (3.280) são considerados desertos de notícias, totalizando 34 milhões de brasileiros sem acesso a qualquer informação jornalística sobre o lugar onde vivem.

Fica o convite para que pesquisadores e pesquisadoras do campo da Comunicação acessem os resultados para desenvolver novos estudos, aprofundando a questão dos desertos de notícias no Brasil.

Para os dados completos da pesquisa, visite o site do Atlas da Notícia e o especial do Observatório da Imprensa sobre a pesquisa.

• • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • •

INTERCOM 2020: AINDA DÁ TEMPO DE BAIXAR CERTIFICADOS NA PLATAFORMA

A plataforma virtual do 43º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação (Intercom 2020) fica no ar até o dia 28/02/21, para que os congressistas possam baixar os certificados de participação no evento e em oficinas e minicursos.

Se você ainda não baixou seus certificados, acesse a plataforma e faça o login. Para o documento geral de participação, clique no ícone “Gerar Certificado”, no canto superior direito da página inicial da plataforma. Já para obter os certificados referentes a oficinas e minicursos, acesse a sala de cada atividade que você realizou. Aproveite também para fazer o chek-in em eventos de que participou e para responder à pesquisa de satisfação, que é muito importante para a organização do congresso e para a Intercom.

Vale lembrar que o certificado de apresentação de trabalho em Grupo de Pesquisa ou Intercom Júnior deve ser baixado na área reservada do congressista, no Portal Intercom.

Em caso de dúvida, envie e-mail para secretaria@intercom.org.br.

• • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • •

NOVA EDIÇÃO DA REVISTA RADIOFONIAS

Está no ar o v. 11 n. 3 (2020) da Radiofonias – Revista de Estudos em Mídia Sonora, que pode ser acessado gratuitamente no site de periódicos da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP).

A edição traz oito artigos inéditos, uma entrevista com os pesquisadores Luiz Artur Ferraretto (UFRGS) e Nair Prata (UFOP/Intercom) e uma resenha.

A revista também está com chamada aberta para as edições de 2021:

  • Dossiê “Rádios universitárias em tempos de ataques à ciência” (2021.1), com submissões até 28 de fevereiro
  • Dossiê “30 anos de estudos radiofônicos – O papel do Grupo de Pesquisa Rádio e Mídia Sonora da Intercom” (2021.2), cujo prazo é 27 de junho
  • Edição de temas livres (2021.3), em fluxo contínuo

As chamadas completas podem ser conferidas aqui.

A Radiofonias é uma publicação do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da UFOP, do Grupo de Pesquisa Convergência e Jornalismo (ConJor) e do Núcleo de Rádio e TV (NRTV) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), com o apoio do Grupo de Pesquisa em Rádio e Mídia Sonora da Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom).

• • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • •

SECRETARIA DA INTERCOM ESTÁ DE VOLTA COM ATENDIMENTO REMOTO

Após um merecido recesso, a Secretaria da Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom) já está atendendo novamente. Devido ao novo agravamento da pandemia de covid-19, a equipe segue trabalhando remotamente, com atendimento ao público pelo e-mail secretaria@intercom.org.br.

• • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • •

NOTÍCIAS DE PARCEIROS INTERCOM

Revista Mídia e Cotidiano – A publicação quadrimestral do Programa de Pós-Graduação em Mídia e Cotidiano (PPGMC) da Universidade Federal Fluminense (UFF), vinculada ao Laboratório de Pesquisas Aplicadas em Mídia e Cotidiano (LaPA), está com duas chamadas abertas. Até o dia 22 de fevereiro, é possível submeter artigos para o dossiê “A imagem e seus ‘diálogos’: linguagens, deslizamentos, insurgências”. Já o prazo para o dossiê “A informação e o mal: disputas éticas, políticas e epistemológicas da Comunicação em tempos extremos” encerra-se no dia 14 de junho. Informações e submissões no site da revista.

Revista Comunicação & Educação – Segue aberta até 31 de maio a chamada de artigos para o vol. 26, n.2. (dez. 2021) do periódico do Departamento de Comunicações e Artes da ECA-USP, que publicará o dossiê “100 anos de Paulo Freire”. Saiba mais no site da revista.

intercom BRIGADEIRO

SÃO PAULO - SP
(11) 3892 7557
AV. BRIG. LUIS ANTÔNIO, 2.050 - CONJ. 36- BELA VISTA
SECRETARIA@INTERCOM.ORG.BR



Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13 às 17h