EXPOCOM AGORA TEM MODALIDADE TCC/PROJETO EXPERIMENTAL. CONFIRA ESTA E OUTRAS NOVIDADES DO REGULAMENTO 2020

4 de março de 2020

Instituições de ensino superior (IESs) de todo o Brasil já podem inscrever projetos de pesquisa experimental de seus graduandos e recém-graduados nas etapas regionais da Exposição de Pesquisa e Produção Experimental em Comunicação (Expocom 2020). A apresentação e a premiação dos trabalhos selecionados serão realizadas durante os respectivos congressos regionais da Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom) ao longo do primeiro semestre.

É muito importante que coordenadores de cursos e orientadores de trabalhos leiam com atenção o Regulamento e as Ementas da Expocom 2020, disponíveis on-line no Portal Intercom (clique aqui para acessar). Após fazerem internamente a devida seleção de trabalhos (etapa local), as IESs devem inscrevê-los na etapa regional seguindo com as normas do evento. Vale ressaltar que os trabalhos serão avaliados por um júri virtual, composto por avaliadores atuantes em outras regiões geográficas, de forma a garantir a imparcialidade.

Uma das principais novidades da Expocom em 2020 é a nova modalidade TCC/Projeto experimental, presente em cada uma das categorias do evento (Jornalismo, Publicidade e Propaganda, Relações Públicas e Comunicação Organizacional, Cinema e Audiovisual, Produção Transdisciplinar, e Rádio, TV e Internet). Essa modalidade acolherá trabalhos completos de conclusão de curso, que não poderão ser desmembrados como trabalhos avulsos para inscrição em outras modalidades. Por exemplo: se a IES inscrever uma campanha na modalidade PP15 TCC/Projeto Experimental em Publicidade e Propaganda, não poderá inscrever o jingle da mesma campanha na modalidade PP05 Jingle (avulso).

É fundamental conferir todas as regras expressas no Regulamento e ler minuciosamente o Ementário, pois o não enquadramento nas modalidades ou a redundância nas inscrições implicam desclassificação do trabalho.

Outra atualização no Regulamento a ser destacada é referente a trabalhos realizados em instituições multicampi e no âmbito de cursos a distância. As regras são esclarecidas nos parágrafos 4 e 5 do artigo 3º.

Em resumo, a instituição poderá inscrever um trabalho por modalidade por campus, “desde que os cursos sejam ofertados de forma independente, com coordenação, projeto pedagógico, grade curricular, ementas e corpo docente próprios”; se o curso for oferecido em mais de um campi de maneira integrada, a IES fica limitada a inscrever apenas um trabalho que a represente em cada modalidade.

Já as IESs que tiverem curso oferecido tanto na modalidade presencial quanto no ensino a distância (EaD) poderão inscrever um trabalho do curso presencial e um trabalho do curso EaD na mesma modalidade. Mas atenção: se os cursos presencial e EaD forem integrados (ou seja, sem coordenação, projeto pedagógico, grade curricular, ementas e corpo docente próprios), a IES está limitada a indicar apenas um trabalho – seja de EaD, seja de curso presencial – por modalidade da Expocom.

Nas etapas regionais, trabalhos realizados em EaD só podem ser inscritos na região onde a IES está sediada, independentemente da localização do polo onde o(s) aluno(s) estiverem matriculados.

As IESs já podem inscrever os trabalhos nas etapas regionais da Expocom 2020, sendo que cada regional tem um prazo diferente de submissão, confira:
Sudeste: 8 de abril
Norte: 15 de abril
Centro-Oeste: 22 de abril
Sul: 29 de abril
Nordeste: 13 de maio

Clique aqui para mais informações sobre submissões e inscrições no congressos regionais Intercom 2020.

Clique aqui para ler a íntegra do Regulamento da Expocom 2020.

intercom BRIGADEIRO

SÃO PAULO - SP
(11) 3892 7557
AV. BRIG. LUIS ANTÔNIO, 2.050 - CONJ. 36- BELA VISTA
SECRETARIA@INTERCOM.ORG.BR



Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13 às 17h